MISSÃO CUMPRIDA: ''ESTOU CANSADO DESSES MALDITOS DROIDS NESSA MALDITA NAVE!''


O quinto episódio da série Missão Cumprida acontece na órbita de Kashyyyk, planeta de origem dos wookies, que tantos fãs adoram. Essa missão é a segunda a se passar no espaço, e nos trará mais dificuldades, até ouso dizer que, a partir daqui, a campanha começa a realmente apresentar desafios. E antes que se perguntem "mas não era o Scott que faria este episodio?", digamos que ele teve um pequeno contratempo com seu ultimo contrato de mercenário, e eu, como todo bom, excelentíssimo, espetacular e modesto caçador de recompensas que sou, tomei a frente dessa batalha. O título deste episódio, como dito por nada menos que Mace Windu, como podem ver aqui, resume muito bem o que eu passei.

Desta vez, o batalhão 501 do Grande Exército da República é enviado para conter a invasão dos Separatistas em Kashyyyk. Atuando na primeira frente deste confronto, a órbita do sistema, sua missão será segurar as linhas inimigas e garantir uma abertura para que o exército clone possa descer até a superfície para auxiliar os wookies. Pode parecer complicado, mas será mesmo :D


Pessoalmente, eu acho que os mapas no espaço no Star Wars Battlefront II deixam algo a desejar, mas não sei muito bem o que falta neles. Porém, sinto que nessa fase da campanha, jogar no espaço é muito mais divertido do que no Instant Action. E, diferentemente da Órbita de Coruscant, dessa vez você poderá escolher qualquer nave para pilotar durante a missão.

Mas vamos para o que interessa, entrem em suas cabines e apertem os cintos, por que os droids não estão para brincadeira não! Primeiramente, seu objetivo será destruir as duas naves de suporte do Clã Bancário, eu recomendo fortemente a V-Wing para essa tarefa. Como não temos muitos reforços, é melhor usar uma nave especializada para esse tipo de tarefa. Por mais tentador que usar a Jedi Starfighter possa ser, ela dificilmente te ajudara a ganhar essa batalha.

Em seguida, será necessário destruir a artilharia da nave principal da Confederação, a V-Wing também da conta do recado sem problemas. Acho que já deu pra notar que, ao contrario do Bonham Kriegher, eu prefiro muito mais o bombardeiro da República à ARC-170 Starfighter. Até por que, quem não gosta de pilotar um possante como nossa querida V-Wing? Ela faz tudo, ate café!

Mas voltando, após destruir a artilharia inimiga, você precisara retornar ao hangar e pegar uma LAAT (que estava desativada até então) e pousar dentro da nave inimiga. Pelo o que passei nessa fase, acho difícil conseguir voltar e pousar na nave da República ainda com vida. Assim, eu recomendo que adote uma estratégia japonesa bem simples: Kamikaze. Isso mesmo, se joga meu filho! Bata direto nos escudos separatistas que você vai voltar muito mais rápido para seu hangar, Kami-sama vai achar super legal também! E, se não der certo, eu devolvo seu dinheiro! Enfim, assim que entrar na pista de decolagem inimiga com sua LAAT, desça e vá direto para o Auto-Defense Mainframe e o destrua, isso pode facilitar as coisas.


Depois que isso esteja concluído, devemos destruir a Engine e o Life-Support System inimigos, mas isso devera ser feito por dentro. Eu, assim como Bonham em sua ultima missão, recomendo o uso do Clone Pilot para essa tarefa, pelas mesmas razões que ele apontou. Logo depois que destruir os dois objetivos, teremos que capturar os planos de batalha do inimigo e voltar para nosso hangar. Dessa vez, acredito que o Clone Marine é uma melhor opção. E não se esqueça que os drois estarão com uma grande festa preparada para recepcionar você, e uma pistola vai ajudar tanto quanto um saco de biribinha.

Quando retornar, é só entregar os planos e pronto, missão cumprida! É isso aí, a fase pode não ser tão longa, mas eu, particularmente, a achei meio complicada. No próximo episódio da nossa série, Nellynho vai tomar a frente do exercito e defender Kashyyyk por terra. Dizem as lendas que ele é o monstro da luta em ambientes de floresta, procede produção? Vou querer ver se é verdade. E gostaria de lançar uma enquete: você acha que falta algo nos mapas espaciais? O que seria? Deixe nos comentários, vamos ver o que descobrimos disso. E não comemorem não, I'll be back. Até o próximo episódio.

Compartilhar no Google Plus

3 comentários:

  1. Eu tb acho q falta alguma coisa nos mapas espaciais (e n sei o q eh tb ahahaha). Eu tava pensando q poderia ser mais locais para explorar a pé, algo mais Battlefield, sei la hehe.

    ResponderExcluir
  2. é acho q sim xD
    eh meio q um "pega uma nave e corre pra explodir os pontos da outra"
    n parece muito com o filme, parece mais uma corrida de quem faz 180 pontos primeiro, sei la

    ResponderExcluir
  3. Realmente! Concordo com os dois. Eu apenas mato outros players em mapa de espaço, mas me sinto meio inútil, pois quem vai pontuar mais e ser o fodelão do servidor (além de praticamente garantir a vitória para o seu time) será aquele que arrombar primeiro a nave inimiga...

    Poderiam ter mais destroyers, além deles serem maiores para explorar. Vamos ver como a DICE vai elaborar esses mapas para o novo Battlefront...

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.